REDES

Federaminas participa do voo inaugural para Araxá

O presidente da Federação das Associações Comerciais e Empresarias de Minas Gerais - Federaminas, Emílio Parolini, esteve presente nesta segunda-feira, 7 de novembro, no voo inaugural para Araxá, dentro do Projeto de Integração Regional de Minas Gerais – Modal Aéreo (PIRMA), da Codemig. O voo saiu às 15h10 do aeroporto da Pampulha, em Belo Horizonte, chegando a Araxá às 16h10.

A Federaminas participou ativamente junto à Codemig, solicitando a implantação desses voos entre os dois municípios. “Pedimos ao presidente da Codemig que Araxá fosse contemplada, pois a cidade é polo econômico e turístico regional, portanto, não poderia ficar sem este atendimento”, explicou Emílio Parolini. “O objetivo da implantação dos voos é o fomento dos negócios, da economia local. É uma viagem de deslocamento rápido, para facilitar a vida dos empresários, mas também benéfica para o turismo e população local. Uma iniciativa muito positiva da Codemig, que certamente atrairá mais investimentos para Araxá”, completou Parolini.

Além de Emílio Parolini, participaram do voo inaugural a presidente da Associação Comercial, Industrial, de Turismo, Serviços e Agronegócios de Araxá - Acia), Marinez Torres Gotelip Borja de Oliveira, o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Parcerias de Araxá, Geraldo Lima Júnior, o deputado Estadual, João Bosco (PT do B), e o assessor da presidência da Codemig, Antonio Macedo.

“Vamos assegurar a regularidade dos voos. O retorno será muito mais em desenvolvimento regional para o Estado, do que financeiro para a Codemig. O resultado será a longo prazo, na geração de negócios e empregos. Pois os agentes tomadores de decisão estarão mais incentivados a investir, devido à facilidade na mobilidade. Para isso, foi criado o programa, que atenderá também o turismo e o lazer, mas o foco é o transporte de pessoas a negócios”, destacou Antônio Macedo, da Codemig. Ele também ressaltou a importância da Federaminas para o Estado e para o projeto. “A Federação tem um enraizamento, ela permeia todo o tecido produtivo, toda a matriz econômica do Estado de Minas Gerais no que tange ao comércio, à logística de distribuição. Os associados e empresários são usuários privilegiados e primordiais para o sucesso do projeto. A dinâmica do comércio muitas vezes depende desses deslocamentos de elevada rapidez e eficiência. A logística, hoje, depende fundamentalmente disso, e o comércio se assenta fortemente sobre essas bases de logística muito modernizada".

Para a presidente da Associação Comercial, Industrial, de Turismo, Serviços e Agronegócios de Araxá (Acia), Marinez Torres Gotelip Borja de Oliveira, Araxá é uma cidade privilegiada. “O país está crise, mas para Araxá tem sido mais suave, devido às boas expectativas de futuro. Hoje, já temos dois voos regulares na cidade (da Azul) e esses voos da Codemig chegam para somar. A Acia lutou muito para essa conquista, junto com a Federaminas e o deputado Bosco. Ligados a Belo Horizonte, teremos mais de 100 conexões para o Brasil. Vamos conscientizar as pessoas da importância da utilização desses voos, pois entendo como positiva a opção de aviões menores, o tamanho está adequado para a demanda. Esperamos firmar mais negócios com a capital mineira ”, disse Marinez.

O secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Parcerias de Araxá, Geraldo Lima Júnior, destacou que os voos representam muito para o município. "Estávamos carentes de voos para a cidade, principalmente para a capital. Interligados a Belo Horizonte estaremos ligados a várias cidades do Brasil. Araxá está ansiosa para receber e reter esses voos, inclusive nos ligando às demais cidades vizinhas, como Patos de Minas. A demanda já existe, só é necessário adequar o custo da tarifa. O valor deve ser competitivo com o mercado”.


O deputado Estadual João Bosco também ressaltou a importância do projeto. “Há muitos araxaenses que precisam vir semanalmente para Belo Horizonte. Agora, é divulgar para as pessoas aproveitarem essa oportunidade. É uma satisfação imensa termos chegado a esse resultado tão positivo, numa união de forças com as entidades empresariais de Araxá, com a Federaminas, que tem como presidente um grande empresário de Araxá, Emílio Parolini, e a Codemig”.

Funcionamento dos voos
Os voos serão realizados de segunda-feira a sexta-feira, e as passagens custam a partir de R$480,00. A venda de vouchers é feita pelo site www.voeminasgerais.com.br. De acordo com a Codemig, a plataforma de compras foi aprimorada e o cliente terá uma conta de usuário, na qual poderá acessar seu histórico de compras, atualizar dados pessoais e solicitar reembolsos, reemissões, remarcações e cancelamentos. As passagens também podem ser adquiridas no balcão do aeroporto.

A aeronave é do modelo Cessna 208 Caravan, homologada pela ANAC, e fretada pela Codemig da empresa TWO-Flex, através de licitação pública. A capacidade é para nove passageiros.

As outras cidades atendidas pelo PIRMA são: Curvelo, Diamantina, Divinópolis, Juiz de Fora, Lavras, Manhuaçu, Muriaé, Passos, Patos de Minas, Ponte Nova, Pouso Alegre, São João del-Rei, Teófilo Otoni, Ubá, Varginha, Viçosa.