REDES

Empresários-destaque recebem homenagens da Federaminas

Mais de 100 dirigentes de empresas de municípios localizados em todas as regiões mineiras, escolhidos como empresários do ano, vão ser homenageados pela Federaminas durante a solenidade “Mérito Empresarial 2016”, em 12 de novembro. O evento encerra a programação do XIX Congresso das Associações Comerciais e Empresariais de Minas Gerais, a realizar-se nos dias 10 a 13 no Actuall Convention Hotel, em Contagem, reunindo delegações de empresários de todo o Estado.

Desde os anos l970, a Federaminas distingue com a medalha e o diploma do “Mérito Empresarial” empresários indicados pelas associações comerciais mineiras por se destacarem em suas cidades na atividade econômica, no movimento associativo e em iniciativas de interesse da coletividade.


Para o presidente da entidade, Emílio Parolini, homenagear esses integrantes da classe empresarial é um ato de justiça por configurar reconhecimento ao importante papel que exercem em suas comunidades, produzindo riquezas, gerando oportunidades de trabalho e recolhimento de impostos, fatores fundamentais ao desenvolvimento econômico e social de municípios, Estado e País.
O “Mérito Empresarial 2016” distinguirá, também, personalidades que contribuem para o desenvolvimento econômico e social de Minas e do Brasil. A solenidade, que movimenta os mundos empresarial e político de Minas, é sempre concorrida e reúne aproximadamente 1,2 mil pessoas entre homenageados, familiares e convidados.


Congresso - Com expectativa de participação de mais de 400 presidentes e executivos das cerca de 300 associações comerciais mineiras, o XIX Congresso das ACEs de Minas Gerais será palco de discussão de assuntos relacionados com a atividade das empresas e as economias do Estado e do País, através de palestras e painéis coordenados por nomes de expressão no cenário nacional. O tema geral do evento é “Criar é preciso”, apontando para a criatividade e a inovação como ferramentas capazes de concorrer para a superação dos desafios decorrentes da desaceleração da economia nacional.