REDES

Confederação pede a candidatos que controlem os gastos públicos



Os candidatos à Presidência da República José Serra (PSDB), Marina Silva (PV) e Plínio de Arruda Sampaio (PSOL) participaram em 9 de agosto do encontro “Candidatos à Presidência falam aos empreendedores do Brasil”. O evento reuniu mais de 1000 líderes empresariais de todo o Brasil no Memorial da América Latina, em São Paulo. O presidente da Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil (CACB), José Paulo Dornelles Cairoli (foto), pediu aos candidatos que controlem os gastos públicos para evitar o déficit e garantir os investimentos necessários ao País.

Iniciativa conjunta da CACB com a Federação das Associações Comerciais de São Paulo e Associação Comercial de São Paulo, o encontro permitiu um contato direto dos líderes empresariais brasileiros com os presidenciáveis. O presidente da Federaminas, Wander Luis Silva, esteve presente no evento.
 
Cada candidato fez uma exposição individual e depois respondeu às perguntas dos jornalistas, internautas e platéia. Primeiro falou o candidato do PSOL, Plínio Arruda Sampaio, que apontou o Programa Bolsa Família como um plano emergencial. “Não pode ser uma medida definitiva”, afirmou.
 
Na sequência, o candidato tucano José Serra (PSDB) lembrou que a carga tributaria brasileira é uma das mais altas dos países em desenvolvimento. Serra mencionou, ainda, as altas taxas de juros aplicadas no Brasil e reafirmou seu compromisso em tomar medidas para diminuir a burocracia na abertura e fechamento de empresas.
 
Em sua apresentação, a candidata do PV, Marina Silva, reforçou que é possível ter crescimento com sustentabilidade e lembrou a importância da realização de eventos como aquele para o aperfeiçoamento da democracia.
 
Os candidatos receberam um documento com mais de 600 páginas com as Propostas para o próximo presidente, série especial da revista Digesto Econômico. O documento traça um diagnóstico dos principais problemas do País e propõe soluções, com itens de medidas a serem tomadas por cada uma das pastas do poder executivo, entre ministérios e secretariais vinculadas à Presidência da República.
 
Fotos: Assessoria de Comunicação CACB