REDES

Aécio diz que protocolo de intenções com Aracruz Celulose deve ser assinado em poucos dias



De acordo com declaração recente do governador Aécio Neves à imprensa, dentro de poucos dias deve ser assinado o protocolo de intenções entre a Aracruz Celulose e o Governo do Estado objetivando a instalação de uma unidade da indústria em Governador Valadares. Desde os primeiros meses do ano, o empresariado e demais segmentos da comunidade valadarense vêm se mobilizando no sentido de atrair para o município essa planta industrial, num movimento que recebeu o apoio da Federaminas, a pedido da Associação Comercial de Governador Valadares.

 

Em 24 de março, o presidente da entidade, Wander Luis Silva, dirigiu correspondência ao presidente da Aracruz Celulose, Carlos Augusto Lira Aguiar, manifestando integral apoio da Federaminas ao pleito de Governador Valadares. Para o líder empresarial, esse município-pólo da região conta com as condições propícias para receber o empreendimento, pois, além de sua proximidade com o Rio Doce, dispõe de infra-estrutura adequada, inclusive por se tratar de entroncamento rodoferroviário, o que facilita o escoamento da futura produção tanto para o mercado interno quanto para ao externo.

 

“Por se tratar de iniciativa que vem ao encontro dos esforços de governo e empresariado deste Estado com vistas ao desenvolvimento socioeconômico de Minas Gerais, juntamo-nos ao pleito da comunidade valadarense no sentido da localização da nova planta da Aracruz Celulose naquele município mineiro”, enfatizou então o presidente da Federaminas.


Investimento – Segundo divulgou a imprensa, a estimativa do mercado é de que a nova unidade demandará recursos de cerca de US$ 2 bilhões, investimento destinado a elevar a produção da empresa das 3,1 milhões de toneladas, no ano passado, para 7 milhões de ton em 2015, quando ela pretende alcançar 25% do mercado mundial.

  
A nova planta deverá exigir 180 mil hectares, sendo 120 mil apenas para o cultivo dos eucaliptos.